Enter your keyword

imagem_header_melhore_sua_doenca
Dor Cervical

Dor Cervical

A coluna cervical é composta pelas primeiras sete vértebras que ficam logo abaixo do crânio, e termina no topo da coluna torácica. Ela tem formato de um C invertido (curva lordótica) e é muito mais móvel do que as regiões torácica ou lombar. Ao contrário de outras regiões da coluna, a cervical tem aberturas especiais em cada vértebra para as artérias que levam o sangue ao cérebro.

Doenças que causam dor na coluna cervical:

As doenças que, comumente, causam dor na coluna cervical, são: torcicolo (dor que se limita aos músculos ao redor do pescoço), estenose cervical (formação de osteófitos, mais conhecidos como “bicos de papagaio”, que ocupam espaço e acabam comprimindo áreas onde estão presentes estruturas nervosas, causando dor, formigamentos, dormência e fraqueza), hérnia de disco cervical (ruptura na parte externa do disco intervertebral, o ânulo fibroso, com consequente deslocamento do material interno, o núcleo pulposo, que acaba comprimindo alguma raiz cervical), traumatismos, neoplasias, artrose, etc.

Além dessas doenças, outros fatores também podem contribuir para o surgimento ou agravamento da dor na coluna cervical.

– Lesões e acidentes;

– Movimentos repetitivos;

– Má postura por muitas horas;

– Estresse ou tensões emocionais.

Tratamento para dor cervical:

O tratamento de uma crise aguda de dor no pescoço passa pela administração de analgésicos e relaxantes musculares e pela aplicação de calor na zona de desconforto. Além disso, deve-se recorrer à utilização de um colar cervical, sobretudo para evitar movimentos bruscos que aumentem a dor e para proporcionar repouso à zona.

De qualquer forma, a partir do momento em que a dor começa a diminuir de intensidade, devem ser efetuados vários exercícios, graduais e moderados, devidamente acompanhados por um fisioterapeuta. As massagens, a aplicação de ultra-sons, corrente elétrica ou raios infravermelhos e outras medidas de fisioterapia costumam contribuir para uma diminuição da dor e para uma rápida cura da crise aguda. O médico também pode recomendar sessões de tração cervical, com o objetivo de “descomprimir” as articulações.